Bodega Familia Cassone

Esse próximo post é muito especial pois trata-se de uma vinícola que me cativou. A produção de vinhos sempre é motivo de trabalho com muita paixão, mas essa família excede tudo isso na gestão do negócio. Acompanho há alguns anos o trabalho dos diretores e absolutamente me encanta a maneira como eles tratam e interagem com os clientes. Essa aproximação com a Cassone fez com que na minha última visita a Mendoza, mesmo com uma agenda bastante apertada, eu conseguisse fazer uma visita para conhecer as instalações e principalmente o trabalho de Federico Cassone, o enólogo e proprietário.

A família Cassone fundou sua bodega em 1998, e está situada na região de Lujan de Cuyo, Mendoza. Mas a história da família com o universo vinícola vem de muito mais tempo.

No início do século XX, período pós 1a guerra mundial, o patriarca dos Cassone, o italiano Celestino imigrou de Castelleto Merli, região do Piemonte na Itália, para a Argentina, levando consigo as técnicas e a paixão pela arte da vinificação. Roberto Cassone, filho de Celestino, comprou seu primeiro vinhedo em Mendoza no ano de 1957, quando iniciou a cultura de uvas viníferas de grande qualidade. Desde então, a tradição do cultivo de uvas permaneceu presente na família.

A produção dos vinhedos até então, era toda vendida para outras vinícolas. Esse cenário mudou na década de 90, quando Eduardo Cassone, filho de Roberto, acompanhado por seus filhos, decidiu utilizar seus vinhedos para elaboração de seus próprios vinhos. Mas a grande mudança veio na gestão de Federico Cassone, que incorporou na vinícola uma vasta linha de vinhos de média e alta gama que trouxeram o reconhecimento atual.

A Familia Cassone conta com 3 vinhedos próprios em Lujan de Cuyo: Finca La Florencia, Finca Agrelo e Finca La Dominga. Em 2012 finalizou a compra da vinícola Viña Del Fundo no Chile, localizada no Vale do Maule.

Não leva muito tempo para chegar na vinícola a partir do centro de Mendoza, a bodega está localizada a 18 quilômetros ao sul da cidade. Deve-se entretanto, prestar atenção no caminho, pois não há muitas placas orientativas após sair da via principal. Uma pequena estrada de terra nos leva até as instalações da vinícola.

Chegando na vinícola a vista impressiona. A frente temos a incrível cordilheira dos Andes com toda sua magnitude. No dia da visita havia nevado na noite anterior e o visual era estonteante.

Cassone 1

Fomos recebidos pelo próprio Federico Cassone e sua assistente Celina, e teve início o tour pelas instalações. Mais do que a visita, foi uma aula. Pudemos acompanhar todas as fases da produção do vinho na Cassone e principalmente provar o vinho nesses vários estágios de produção, percebendo as diferenças resultantes das fases do processo, dos tipos de uvas e a influência dos diferentes vinhedos. E a paixão que citei anteriormente se faz presente na explicação de Federico, de cada detalhe do processo e de como são criados os novos vinhos.

 

Por fim teve início a degustação de uma seleção especial de rótulos da vinícola, alguns já velhos conhecidos. E nesse momento me fiz valer de uma dica “interna”, da diretora de marketing da Cassone Brasil, minha amiga Deca, que me orientou a perguntar pelo fortificado de Malbec, um vinho de sobremesa muito especial criado pelo Federico que não chega ao mercado e que sequer possui um rótulo. Ele tem o dulçor na medida exata, notas de ameixas negras e frutas passas e um final em boca impressionante.

Cassone 5

As notas dos demais vinhos da degustação, vem a seguir:

Obra Prima Corte Blanco 2015: Vinho que abriu a degustação, um corte inusitado de 55% Chardonnay, 35% Sauvignon Blanc e 10% Torrontés, que passa 8 meses em barricas de carvalho francês. Cor amarelo palha, aromas de frutas brancas e notas florais típicas do Torrontes, paladar frutado com notas de pêssegos e melão e ótima acidez.

Obra Prima Corte Reserva 2013: Havia provado essa mesma safra há dois anos e claramente pude perceber a evolução pelo tempo em garrafa. Corte de 65% Malbec, 20% Cabernet Sauvignon e 15% Cabernet Franc com 13 meses em carvalho francês. Corpo médio, bom equilíbrio e aromas de especiarias, baunilha, tabaco e notas florais. Final de boa persistência

Obra Prima Series Green Reserva Premium Malbec 2014: Uvas procedentes da Finca Agrelo, 100% Malbec passa 12 meses em carvalho francês de primeiro uso. Cor púrpura, muito aromático com predominância de frutas negras, especiarias e violetas. Em boca é rico e bastante expressivo, com notas cravo, amoras e pimenta preta. Final frutado e ainda vai evoluir bastante.

Obra Prima Colección Gran Reserva 2012: O primeiro vinho que provei da vinícola e que me aproximou da bodega. Este Malbec é envelhecido por 18 meses em barris de carvalho francês novos. De cor roxa quase intransponível, aromas de couro, baunilha, tostado e café. Em boca é potente e estruturado, com taninos bem integrados e final potente. Imagino que o auge ainda deve demorar cerca de 5 anos para essa safra 2012.

Cassone 3

Para visita a Bodega Cassone.

As visitas na bodega Familia Cassone custam 250 pesos argentinos (cerca de R$ 50,00) e incluem o tour pelas instalações e a degustação de vinhos incluindo a linha Premium. Um valor muito interessante comparado a maioria das vinícolas da região.

As visitas precisam ser agendadas com antecedência, o que pode ser feito pelo link abaixo:

http://www.familiacassone.com.br/contato.html

13 comentários em “Bodega Familia Cassone

  1. Tive a Oportunidade de provar a linha quase completa no Wine Weekend 2017 -SP
    O Obra Prima Maximus concorre de igual com vinhos de valor superior a ele ! Um Vinhaço , assim como toda linha ! Forte Abraço

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s