O Douro e seus encantos – Parte 1

O mundo do vinho reserva locais mágicos e diversas culturas marcantes. Dentre essas culturas marcantes, temos a Região do Douro, que fica situada no nordeste do território português e percorre pelo vale do Rio Douro, cercada por cadeias montanhosas e fazendo fronteira com a Espanha. O que influenciou, inclusive na associação do nome da região de Ribera Del Duero, face a proximidade das regiões.

Com mais de 250 anos, relatar e transacionar dicas e formas de se aproveitar toda região, não é uma tarefa das mais fáceis. Mesmo porque, é uma região repleta de coisas para serem feitas, dotada de uma fantástica infraestrutura de turismo, com muitos hotéis, restaurantes, vinícolas, agregada a uma paisagem belíssima.

image001

Uma das grandes promessas, e que elevou em grandeza a Região do Douro, foi a produção do Vinho do Porto, que é um vinho fortificado e único produzido nessa região. Os quais podem chegar a uma guarda demais de 200 anos.

Essa produção deu início em 1756, quando começaram na região do Douro a produção de vinhos com elevada qualidade. Alterando a paisagem da região, transformando-a em vales esculpidos (como pode ser visto na imagem acima), que ganharam a classificação de Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Com todo esse crescimento, a abundância de castas no Douro tornou-se notável, e algumas das videiras mais antigas permitem produzir vinhos com uma estrutura e complexidade únicas. Dentre as principais castas na região do Douro, temos: a Touriga Franca, a Touriga Nacional, a Tinta Barroca, a Tinto Cão e a Tinta Roriz. Produzindo, tanto o vinho do Porto, como outros tantos vinhos tintos, brancos e roses, com a mesma qualidade e excelência aplicada pela região.

No próximo post vamos falar sobre as 3 regiões em que o Douro se divide: Douro Superior, Cima Corgo e Baixo Corgo.

 

Ivan Ribeiro do Vale Junior, Advogado, Sommelier, Escritor, membro da @confrariamesquevemtem e da @duvalevinhoseeventos

16 comentários em “O Douro e seus encantos – Parte 1

  1. Para além dos vinhos, a região é belíssima. Adoro ir para a considerada mais bonita região vinicola do Mundo. O atual desenvolvimento dos vinhos maduros portugueses esta cada vez mais jogando luz sobre essa região. Parabens pelo post.

    Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s