Top 20 – Junho 2018

Amigos,

Estou um pouco atrasado na lista dos melhores vinhos de junho, devido a uma semana um pouco complicada, mas vamos em frente com a esperada lista!

Conforme perguntado a vocês na postagem do mês anterior, a maioria optou por que seja apresentado na lista os vinhos que decepcionaram no mês. Então voltamos ao formato original. Pra quem não viu a lista do mês anterior, o link está abaixo:

Top 20 – Maio 2018

Top 12 melhores vinhos do mês:

1. Paleo 1999, Le Macchiole, Itália – um Bolgheri surpreendente, abrir.

2. Massimo Deicas 2013, Família Deicas, Uruguai – feito por Paul Hobbs, um dos 3 melhores vinhos uruguaios que provei, guardar.

3. Apartado Gran Blend 2012, Rutini, Argentina – guardar.

4. Krohn Vintage Porto 1967, Wiese & Krohn, Portugal – já tinha bastante borra, abrir.

5. Val de Flores 2005, Michel Rolland, Argentina – fantástico, abrir ou guardar.

6. Cadus Cabernet Sauvignon 2000, Nieto Senetiner, Argentina – pensei que pudesse ter passado mas estava perfeito, abrir.

7. 10 Años Edição Limitada 2010, Durigutti, Argentina – abrir ou guardar.

8. Cavalo Maluco 2007, Herdade do Portocarro, Portugal – abrir.

9. Cru D’Exception Chardonnay 2010, Familia Deicas, Uruguai – melhor branco da América do Sul, abrir ou guardar.

10. Yacochuya 2011, Yacochuya – outro assinado por Michel Rolland, guardar.

11. Vilasar Sousão 2004, Bodegas Carrau, Uruguai – acreditem, guardar.

12. Arlene Series 2014, Piattelli Vineyards, Argentina – guardar

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Top 5 custo x benefício e indicações do mês:

1. Trincadeira Reserva 2014, Ermelinda Freitas, Portugal – R$69,00.

2. Ombu Reserve Petit Verdot 2016, Bracco Bosca, Uruguai – R$ 110,00.

3. Hedone Blend 2014, Lauri Viana, Argentina – R$ 100,00

4. Ideologia Assemblage, Batalha, Brasil – R$ 57,00.

5. Edicion Especial Malbec Cabernet Sauvignon 2014, Cassone, Argentina – R$ 75,00.

 

Top 3 piores vinhos ou decepções do mês:

1. Le Cirque Rouge 2014, Vignerons de Tautavel Vingrau, França – está na lista pelos 90 pontos do Robert Parker. Não vale.

2. The Y Series Shiraz Viogner, Yalumba, Austrália – completamente desbalanceado.

3. 130 Cuvée Prestige 2016, Pierre Ferraud & Fils – tem média de 4.1 no Vivino. Dei 2.9 estrelas.

 

Essa foi a lista! A próxima de julho no início de sai no início de agosto. Até lá!

 

12 comentários em “Top 20 – Junho 2018

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s