Degustação dos Vinhos da Bodega Manzanos.

No último dia 7 de dezembro participei de uma degustação de vinhos espanhóis da Bodega Manzanos. O evento foi promovido pela WS Importadora (WineSommelier) e foi conduzido por um dos seus sócios-fundadores, o renomado sommelier Carlos Souza, que também é o Wine-Hunter da empresa.

A Bodega.

Bodegas Manzanos é o nome do conjunto de vinícolas que melhor representa a identidade da família Fernández de Manzanos. Existem três vinícolas: Azagra e Haro, na Denominação de Origem Rioja e Campanas, na Denominação de Origem de Navarra. A família Fernandes de Manzanos, elabora vinhos desde 1890 e para um maior controle sobre a qualidade,  todos os vinhos são elaborados com uvas de vinhedos pertencentes à família.

É a vinícola mais antiga da DOCa Rioja desde 1801 . Atualmente abriga o edifício Bodegas Berceo , bem como o Palácio Tejada de 1710, localizado a apenas 50 metros da Plaza de la Paz em Haro. Conta também com um complexo para o enoturismo.

20181207_mmm_ws_1744

Atualmente a bodega está melhorando e expandindo a capacidade de produção, com adaptações nas instalações para melhorar não só a experiência enoturística, mas também a qualidade e requinte dos vinhos Manzanos. A vinícola foi construída para a elaboração de vinhos premium, com qualidade superior.

Vinhos e Degustação.

Da extensa linha de vinhos da bodega, foram apresentados cinco rótulos descritos a seguir:

Manzanos Blanco Fermentado en Barrica 2016: Um dos meus favoritos na noite, corte de 49% Chardonnay e 51% Viura e passa 9 meses em barricas 80% francesas e 20% americanas de primeiro e segundo uso. Cor palha, aromas de pêssegos e notas florais, untuoso em boca com uma leve nota de baunilha. Final frutado e prolongado.

Manzanos Rioja Crianza 2014: Corte de 80% Tempranillo, 10% Graciano e 10% Garnacha e passa 18 meses em barricas 70% francesas e 30% americanas de primeiro e segundo uso. Vinho estruturado, com vermelho rubi, aromas de cereja, tabaco e ameixa, corpo médio e final prolongado.

Mas de Victor Rioja Reserva 2013: Corte de 80% Tempranillo, 10% Garnacha e 10% Graciano e passa 18 meses em barricas 70% francesas e 30% americanas e mais 18 meses em garrafa para afinamento. Achei o mais fechado da degustação, necessita um bom tempo em adega ainda.

Los Dominios de Berceo Prefiloxérico 2015: Que privilégio foi provar um vinho préfiloxérico, aliás o melhor da noite na minha opinião. Uvas 100% Tempranillo de pé franco, passa de 6 a 8 meses em carvalho francês de segundo uso. Cor rubi, aromas de especiarias e frutas negras com notas mentoladas e cacau. Em boca é aveludado, bem equilibrado e com ótima acidez. Final firme e longo.

Manzanos Rioja 125 Aniversário Reserva Especial 2009: A grande estrela da vinícola para fazer frente aos principais vinhos da região. Corte de Tempranillo e Graciano, passa 36 meses em carvalho francês de grano fino e mais 24 meses em garrafa. Cor rubi profundo, aromas de chocolate e tabaco e notas de café. Em boca é potente e vivo, bem encorpado com final prolongado. Tem um custo de aproximados R$ 750 e potencial de envelhecimento de mais 20 anos no mínimo.

Serviço:
Todos os vinhos da degustação além de outras exclusividades da bodega Manzanos e de outros produtores selecionados podem ser adquiridos diretamente pelo site da importadora WS no link abaixo:
http://www.winesommelier.com.br/

4 comentários em “Degustação dos Vinhos da Bodega Manzanos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s