Artesana – Vinos Finos de Uruguay

Olá,

Todos sabem da minha paixão pelos vinhos e vinícolas do Uruguai. A Artesana era uma das vinícolas que eu gostaria de conhecer há algum tempo e, finalmente, no último dia 23 de janeiro tive a oportunidade de visitar essa charmosa bodega localizada à cerca de 40 minutos do centro de Montevidéu.

A vinícola

A vinícola possuiu raízes americanas, o que explica sua forte ligação com a uva Zinfandel. Foi criada com o objetivo de exportar vinhos finos para os Estados Unidos, mas o sucesso no mercado local foi tão grande que a maior parte de sua produção anual de 50.000 garrafas é vendida no próprio Uruguai. Ainda assim, uma parcela é exportada para Brasil, Estados Unidos, Europa e Hong Kong.

20200123_162216

A Artesana realiza um trabalho meticuloso nos vinhedos para obter uvas da mais alta qualidade. O objetivo desse trabalho é diminuir o rendimento da produção de uva, alcançando assim a qualidade desejada, sem irrigação e com um manejo integrado das culturas. Entre as principais uvas plantadas estão: as variedades tintas Tannat, Zinfandel, Merlot e Cabernet Franc e as brancas Chardonnay e Petit Manseng.

O grande diferencial da visita à Artesana, comparando a outras vinícolas, é a comida. O seu Chef trabalhou no mais famoso hotel cassino do Uruguai, em Punta del Este. A cozinha é aventureira (especialmente para o Uruguai), especializada nos ingredientes locais mais frescos e no uso criativo de subprodutos do vinho. Ao contrário de outras vinícolas com um restaurante em Montevidéu, o Artesana nunca aceita reservas de grandes grupos. Eles limitam os visitantes a um máximo de dez pessoas, para garantir que você estará almoçando em perfeita serenidade.

A Degustação

Aproveitamos a oportunidade para provar alguns vinhos da Artesana, produzidos sob a assinatura das enólogas Analía Lazaneo e Valentina Gatti. Foram algumas novidades da vinícola e outros velhos conhecidos. Os comentários estão a seguir:

20200123_164808

Zinfandel 2019: um dos vinhos da linha jovem da bodega, sem passagem por carvalho. Agradou bastante.

Tannat 2018: opção interessante na faixa de preço. Também não tem passagem por carvalho e é da mesma linha jovem.

Tannat Reserva 2018: ótimo 100% Tannat com passagem de 15 meses em barricas novas e de segundo uso de carvalho francês e americano. Vinho robusto, levemente herbáceo com notas de caramelo e cacau. Final potente e prolongado.

Tannat – Zinfandel Reserva 2017: corte de 80% Tannat e 20% Zinfandel com passagem de 12 meses em carvalho francês e americano. Produção de apenas 4.633 garrafas e 13,9% de graduação alcoólica. Vinho elegante e frutado, com aromas de frutas negras e caramelo, macio em boca com final aveludado.

Cabernet Franc – Merlot Reserva 2018: corte de 60% Cabernet Franc e 40% Merlot fermentados e envelhecidos separadamente em carvalho francês e americano. Após o corte final o vinho passa um mês em tanques de aço-inoxidável. Vinho elegante, com aromas de frutas vermelhas e boa complexidade em boca.

Turismo

A Artesana oferece de quarta a domingo opções de visitas guiadas pelos vinhedos e vinícola com degustação dos principais vinhos da bodega e almoço de 6 passos.

Para saber mais, basta clicar no link a seguir: Opções de Turismo Enológico.

Serviço:
Os vinhos da Artesana  são importados no Brasil pela Wine Lovers.

9 comentários em “Artesana – Vinos Finos de Uruguay

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s