Top 20 Vinhos – Março 2021

Buenas!

Achou que não iriamos ter a lista dos melhores vinhos de março, certo?

Mas, mesmo bastante atrasado consegui terminar o post! Apesar da pandemia, a agenda está um pouco apertada, o que acabou gerando esse atraso. Nos próximos meses vou procurar ajustar a agenda!

Falando um pouco do mês de Março, a lista está repleta de rótulos argentinos. Nesses tempos de pandemia, não tivemos oportunidade de provar muitos vinhos do Velho Mundo. Espero que tudo volte ao normal em breve!

Vamos então pra lista? Mas antes dos melhores deste mês, vale a pena relembrar a lista dos melhores de fevereiro: Top 20 Vinhos – Fevereiro 2021.

Top 12 melhores vinhos do mês:

1. Gran Corte VII 2003, Pulenta Estate, Argentina – abrir

2. Prelúdio Tinto 2015, Família Deicas, Uruguai – guardar.

3. Magdalena Toso 2017, Pascual Toso, Argentina – guardar.

4. Laku 2008, Viña Requingua, Chile – abrir ou guardar.

5. Luis Valduga Corte 1, Valduga, Brasil.

6. Antologia XI 2001, Rutini, Argentina – abrir.

7. El Jardin de Los Caprichos Nº 09, Karim Mussi Winemaker, Argentina – abrir ou guardar.

8. Legende Brillant Chardonnay 2018, Pont Leveque, Argentina – abrir ou guardar

9. Cask Selection 2007, Cavas Weinert, Argentina – abrir ou guardar.

10. Bramare Cabernet Sauvignon 2017, Viña Cobos, Argentina – guardar.

11. Roberto Luka 2017, Finca Sophenia, Argentina – guardar.

12. Gran Assemblage 2004, Carmelo Patti, Argentina – abrir.

Top 3 custo x benefício do mês:

1. Sino da Romaneira 2011, Quinta da Romaneira, Portugal – por R$ 149 na Portus Cale by Carlos Mazon.

2. Gran Toqui Syrah 2016, Casas Del Toqui, Chile – por R$ 94 na Casa Sagres.

3. Albariño 2019, Las Perdices, Argentina – por R$133,40 na NR distribuidora.

Top 5 indicações do mês:

1. Geisha de Jade 2018, Ver Sacrum Wines, Argentina – corte de 60% Roussanne e 40% Marsanne com estágio de 12 meses sobre as borras em cubas de concreto com 13,5% de graduação alcoólica.

2. Via Flavia 2016, Piccolo Banfi, Argentina – dica pra quem gosta de vinhos 100% Petit Verdot! Esse é feito por Michel Rolland. Tem muita tipicidade e vai longe. Pra guardar por muitos anos.

3. Semillon 2000, Juan Carrau, Brasil – pra quem gosta de brancos mais velhos, esse nacional é uma ótima prova.

4. LoBenedito Malbec 2015, Lorenzo de Agrelo, Argentina – um dos três vinhos Malbec de parcela (junto com LoDivino e LoSagrado) onde muda apenas a exposição, Norte no caso deste aqui. Passa 14 meses em carvalho francês (22% novo).

5. Rosadia 2020, Mendel Wines, Argentina – excelente Rose corte de Pinot Noir, Cabernet Franc e Merlot com 14,0% de graduação alcoólica.

Bons vinhos a todos!

Serviço:
Portus Cale by Carlos Mazon: carlos_mazon_vinhos

12 comentários em “Top 20 Vinhos – Março 2021

      1. Rodrigo, tive a oportunidade de provar um preludio 2011 e achei o 2015 mais bem elaborado e até mais equilibrado / pronto. Você teve a mesma impressão?

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s