Top 20 Vinhos – Abril 2021

Amigos,

Após o gigantesco atraso na publicação dos melhores vinhos do mês de março (que saiu quase em maio), desta vez me policiei para divulgar o mais rapidamente possível nosso eleitos de abril! Dessa forma, ainda no primeiro dia de maio, aproveitei o feriado do Dia do Trabalho para trabalhar um pouquinho (rsrs).

Abril foi um mês de boas surpresas, bons vinhos e uma sinalização da volta dos eventos presenciais. Com isso, nossa lista ficou bem mais diversificada, com bons rótulos da Europa e alguns dos grandes vinhos da América do Sul.

A seguir os eleitos de Abril. Mas antes dos melhores deste mês, vale a pena relembrar a lista dos melhores de março, que acredito que muitos ainda não conseguiram olhar: Top 20 Vinhos – Março 2021.

Top 12 melhores vinhos do mês:

1. Rocche dell’Annunziata Barolo 2004, Roberto Voerzio, Itália – abrir ou guardar mas está em grande momento.

2. Prelúdio Tinto 2004, Família Deicas, Uruguai – abrir ou guardar.

3. Guado Al Tasso 2004, Antinori, Itália – abrir.

4. Domus Aurea 2001, Clos Quebrada do Macul, Chile – abrir.

5. Tinta Roriz 2015, Quinta do Crasto, Portugal – abrir ou guardar.

6. Pachamama Malbec 2015, Domingo Molina, Argentina – abrir ou guardar.

7. Viñedo 1910 Malbec 2012, Spielmann Estates, Argentina – abrir ou guardar.

8. Partida Limitada Sauvignon Blanc 2019, Bodega Budeguer, Argentina – guardar.

9. Don Maximiano 1983, Errazuriz, Chile – a primeira safra desse vinho, abrir.

10. Gran Syrah 2017, Bodega La Azul, Argentina – abrir ou guardar.

11. Wintzenheim Cuvée Maxime Gewurztraminer 2006, Domaine Barmès Buecher, França – abrir

12. Gran Enemigo Agrelo 2016, Bodega Aleanna, Argentina – guardar.

Top 3 custo x benefício do mês:

1. Torrontes 2019, San Pedro de Yacochuya, Argentina – por R$ 145 na Vinhos Mundi.

2. Signature Cabernet Sauvignon 2017, Marcelo Pelleritti Wines, Argentina – por R$ 167,00 na Magalu.

3. Gran Reserva Carignan, Casas del Bosque, Chile – por R$ 94,50 no Hortifruti Oba.

Top 5 indicações do mês:

1.  Legende Brillant Chardonnay Rosé 2015, Pont Leveque, Argentina – me arrisco a dizer que foi um dos 3 melhores vinhos Rose que provei na vida, mas a ficha técnica traz poucas informações. Aliás, tudo que essa vinícola faz é diferenciado. Passa 6 meses em carvalho francês.

2. Memórias N.V., Alves de Sousa, Portugal – o vinho é um corte das melhores colheitas dos anos 2000. Produzido com uvas das vinhas de Gaivosa, Abandonado, Lordelo, Vale da Raposa, Caldas e Oliveirinha. Idade das vinhas entre 60 e 100 anos. Levou 95 pontos de Robert Parker

3. Bramare Chardonnay Marchiori Vineyard 2015, Viña Cobos, Argentina – na minha opinião é o melhor branco da vinícola. Passagem de 12 meses em carvalho francês, corpo médio, ótimo volume em boca e largo final.

4. Terço 2018, Churchill Valmarino, Brasil –  corte de 1/3 de Cabernet Franc e 1/3 de Tannat e 1/3 Cabernet Sauvignon. Envelhecimento em barricas de carvalho americano com alta tostagem por 18 meses. Precisa de uns 5 anos de adega ainda, muito jovem.

5. Malbec – Malbec – Tannat 2017, Bodega Altupalka, Argentina – corte de 52% de Malbec de 2.590 mts, 28% de Malbec de 1.750 mts e 20% de Tannat de 1.750 mts com “apenas” 14,5% de graduação alcoólica (não é muito pra região). Muito equilibrado e com intenso final.

Bons vinhos a todos!!

Um comentário em “Top 20 Vinhos – Abril 2021

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s