Top 20 Vinhos – Maio 2022

Amigos,

Estou muito atrasado com o post dos melhores vinhos do mês.

Mas como hoje é um dia muito especial, o 5º aniversário do Blog, não poderia deixar de postar por aqui! e vamos então “comemorar” a data com a nossa lista especial dos melhores vinhos de maio.

Mas antes, para quem ainda não viu a lista mais forte do ano até o momento, com os vinhos do mês passado, o link está a seguir: Top 20 Vinhos – Abril 2022.

Top 12 melhores vinhos do mês:

1. Lindaflor La Violeta 2012, Bodega Monteviejo, Argentina – abrir ou guardar.

2. Quatr Nas 1999, Rocche dei Mazoni, Itália – abrir.

3. Carneros Chardonnay 2020, Rombauer Vineyards, EUA – guardar.

4. Montes Alpha M 2000, Viña Montes, Chile – abrir.

5. Monte Vide Eu 2019, Bouza, Uruguai – guardar.

6. Quinta da Manoella Vinhas Velhas 2015, Wine & Soul, Portugal – guardar.

7. Temporis 2011, Achaval Ferrer, Argentina – abrir ou guardar.

8. Pauillac 1982, Chatêau Haut-Bages Liberal, França – abrir.

9. Caiarossa 2017, Caiarossa, Itália – guardar.

10. Tannat Viñedo Pan de Azucar 2019, Bouza, Uruguai – abrir ou guardar.

11. Vaio Armaron Serego Alighieri 2007, Masi, Itália – abrir ou guardar.

12. Ilatraia 2015, Brancaia, Itália – guardar.

Top 3 custo x benefício do mês:

1. Thera Rose 2021, Vinícola Thera, Brasil – no Empório Frei Caneca por R$ 139.

2. Cordillera Chardonnay 2020, Miguel Torres, Chile – na Casa da Bebida por R$ 139.

3. Finis Terrae 2012, Cousiño-Macul, Chile – na Casa Sagres por R$ 160.

Top 5 indicações do mês:

1. Osíris Tannat 2013, Antigua Bodega, Uruguai – um dos grandes Tannat do Uruguai. Uvas de Ribera del Santa Lucia com passagem de 12 meses em carvalho americano. A safra 2013 está jovem e vai evoluir na adega. Típico para quem gosta dos Tannats tradicionais do Uruguai.

2. PHI 2019, Finca El Origen, Argentina – Blend de Malbec, Cabernet Sauvignon e Syrah com passagem de 16 meses em carvalho francês e americano. Safra 2019 pronta pra abrir!

3. Prelúdio Tinto 2016, Família Deicas, Uruguai – nessa safra o corte não é composto majoritariamente por Tannat. O Merlot tem 34% somados a 25% de Tannat, 25% de Cabernet Sauvignon, 6% de Cabernet Franc, 3% de Petit Verdot e 7% de Marselan e estágio de 24 a 30 meses em carvalho. Estava bastante pronto mas tem de 20 a 30 anos pela frente. Um grande ícone do Uruguai.

4. Conde de Superunda 2011, Miguel Torres, Chile – na safra 2011 o corte é Tempranillo (56%), Carménère (5%), Cabernet Sauvignon (21%), Monastrell (18%) com passagem de 22 meses em carvalho novo francês e 14,0% de graduação alcoólica.

5. Imaginate El Vino 2018, Quebrada de San Lucas, Argentina – uvas 100% de Salta e sem passagem por carvalho. Talvez o melhor vinho tinto que não passa por carvalho que já provei. Gratíssima surpresa.

Bons vinhos a todos!

3 comentários em “Top 20 Vinhos – Maio 2022

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s